Outono será de tempo seco com temperaturas elevadas

19/03/2014

O outono será de poucas chuvas e com temperaturas altas, acima da média prevista para a estação. De acordo com a previsão para os próximos três meses emitida pela Epagri/Ciram, a previsão é de chuva próxima à média climatológica do Planalto ao Litoral de Santa Catarina. Já no Oeste e Meio Oeste, a chuva deve continuar mais escassa e com acumulados abaixo da média.

Assim como vem sendo observado nos últimos meses, os indicativos são de chuva mal distribuída no tempo. Havera períodos mais chuvosos, que intercalam com períodos mais secos. No outono, os volumes de chuva são menores dos que os previstos para o verão. Ainda assim, eventos extremos com chuva forte, em curto espaço de tempo, podem ocorrer em qualquer época do ano.

Março marca a transição entre o verão e o outono, e, especialmente na primeira quinzena, ainda predominam as características de verão, com mudança no padrão atmosférico na segunda quinzena. Em abril e maio, a chuva ocorre principalmente associada a passagens de frentes frias, sistemas de baixa pressão e vórtices ciclônicos. Também é a época de atuação frequente dos ciclones extratropicais, próximo ao litoral, que oferecem perigo às embarcações, quando os ventos fortes e mar agitado muitas vezes resultam em ressaca.

Temperaturas elevadas

A previsão é que as temperaturas fiquem acima da média climatológica no trimestre, ou seja, será um outono mais quente do que o normal. Boa parte de março ainda terá características de verão com temperaturas mais elevadas, podendo chegar as primeiras massas de ar frio, fracas e de curta duração, no fim do mês.


Mas é a partir de maio que as ondas de frio mais intensas atuam em Santa Catarina, com geadas generalizadas na maioria das regiões catarinenses e, possibilidade de neve, principalmente, no Planalto Sul. Mesmo assim, eventos prolongados de temperaturas elevadas (acima de 30ºC) podem ocorrer, especialmente no mês de maio, caracterizando os veranicos.

Outra característica do outono são os nevoeiros nas primeiras horas da manhã e a grande amplitude térmica diária (diferença de temperatura mínima e máxima). Isto significa que o dia começa com temperaturas mais baixas e durante a tarde, com a presença do sol, a temperatura sobe e chega até a fazer calor.

Fonte: DIÁRIO CATARINENSE

SD REGULADORA DE SINISTRO © 2011

ITAJAÍ/SC - 47 3368-6248 - regulacao@sdreguladora.com.br - Rua Almirante Tamandaré. 393 - Centro - CEP: 88301-430
QUAX Design Inteligente