Rapaz é executado com seis tiros em São Francisco do Sul

05/03/2012

Uma tentativa de homicídio e um assassinato apontado como um acerto de contas pela Polícia Militar marcaram com violência o domingo em São Francisco do Sul, Norte do Estado.

De madrugada, na saída de uma boate no bairro Rocio Grande Darlan Carlos da Silva, 20 anos, teria atirado em Roberto Luis Vieira, 34 anos e fugido, segundo a PM.

Menos de dez horas depois, Darlan estava na rua Ailton Silva, no bairro Acaraí, quando Ricardo Carvalho Vieira, 25 anos, e Edson Carvalho Vieira, 21, que seriam parentes de Roberto, teriam chegado ao local e disparado contra ele. A polícia ainda não sabe o que motivou o primeiro crime.

Darlan morreu no local e Roberto, que foi atingido no abdômen, no pulso e em uma das pernas, foi levado para o pronto-socorro de São Francisco do Sul e depois transferido para o Hospital São José, de Joinville, onde passou por uma cirurgia. Até a tarde de domingo, o quadro dele era considerado bom.

Darlan estava com um amigo conhecido como Ceará na boate na rua Joinville, quando se envolveu em uma briga com Roberto, de acordo com a PM. Segundo as testemunhas, ele teria disparado várias vezes e quatro tiros atingiram a vítima.

Depois dos disparos, ocorreu uma confusão e a Polícia Militar foi chamada para conter os clientes envolvidos no tumulto, enquanto Darlan e Ceará fugiam em um veículo identificado apenas pela cor prata.

Ao meio-dia, Ricardo e Edson teriam acertado as contas com Darlan. Segundo testemunhas, Ricardo foi o autor dos disparos – a vítima foi atingida seis vezes. Eles fugiram, mas foram presos pela Polícia Militar logo depois, ainda nas imediações, porque uma testemunha reconheceu os suspeitos do crime.


fONTE: A NOTÍCIA

SD REGULADORA DE SINISTRO © 2011

ITAJAÍ/SC - 47 3368-6248 - regulacao@sdreguladora.com.br - Rua Almirante Tamandaré. 393 - Centro - CEP: 88301-430
QUAX Design Inteligente