Faixas e bancários nas calçadas marcam início da greve da categoria em Blumenau

27/09/2011

O início da greve nacional dos bancários é marcado por faixas colocadas nas fachadas dos bancos e funcionários sentados nas calçadas em frente às agências em Blumenau. A greve começou nesta terça-feira e deve fazer 80% das agências da cidade ficarem de portas fechadas, estima o sindicato da categoria. A paralisação foi aprovada em assembleia quinta-feira e segue por tempo indeterminado.

O presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Blumenau e Região (Seeb), Leandro Spezia, explica que foram feitas seis rodadas de negociação desde meados de agosto. Todas sem acordo. A última proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), sexta-feira, foi de reajuste de 8%, foi rejeitada.

A negociação é nacional e envolve tanto as reivindicações dos trabalhadores do setor público, quanto privado. Este ano a pauta de reivindicação inclui aumento real de 5% mais a inflação do período, que resulta em reajuste de 12,8%. Outros pontos são a participação nos lucros de três salários mais R$ 4,5 mil, aumento do piso salarial, plano de cargos e salários, combate ao assédio moral e contratação de mais funcionários. Não haverá nova assembleia enquanto a Fenaban não apresentar uma nova proposta.

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informou que não haverá prorrogação de prazos de pagamentos de cobranças não recebidas em função da paralisação. Lotéricas, transferência e pagamento eletrônico, correspondentes bancários e supermercados são alternativas para evitar as multas por atraso.


Fonte: JORNAL DE SANTA CATARINA

SD REGULADORA DE SINISTRO © 2011

ITAJAÍ/SC - 47 3368-6248 - regulacao@sdreguladora.com.br - Rua Almirante Tamandaré. 393 - Centro - CEP: 88301-430
QUAX Design Inteligente